Amuletos e muleta. Coitadinho do coelho

  Durante muito tempo eu vi nas chaves dos ônibus que circulavam em Vila Velha, aqui no Espírito Santo, vários pés de coelho. Era quase que obrigatório. Não sei se eram todos necessariamente verdadeiros – penso que alguns eram apenas imitações, pés de coelho artificiais – sei que era um padrão daqui da minha cidade,

Problemas vêm em dégradé

Olhando para uma grande empresa, a primeira coisa que me vem em mente é uma pergunta. De onde veio esta ideia? Grandes empresas surgem de ideias geniais que destoam do comum, mesmo que essas empresas façam algo que é corriqueiro na sociedade. Porém, essa marca se tornará referência a partir de uma grande ideia aliada

Tudo bem! Parabéns pela conquista mas, e o telhado, vai ficar assim?

Em vários momentos da vida, nos tornamos vorazes em alcançar algum tipo de resultado. Já me peguei – várias vezes – bolando planos mirabolantes para conseguir sucesso, ou pelo menos, mudança em alguma área de minha vida. Cara, como viajo nesses pensamentos. Penso cada detalhe de como conseguir, de forma honesta, chegar no lugar que

15 vezes 6

  Aqui no Espírito Santos, principalmente na Grande Vitória, os condomínios tem sido caracterizados pela verticalização. Hoje, por aqui, raros são os condomínios de casas, não se vê um canteiro de obra onde o objetivo é formar um bairro com terrenos e casas. São prédios e mais prédios, uns mais altos que os outros. E,