Confiança!

Graça e Paz!!!

 E junto à cruz de Jesus estava sua mãe, e a irmã de sua mãe, Maria mulher de Clopas, e Maria Madalena.
Ora Jesus, vendo ali sua mãe, e que o discípulo a quem ele amava estava presente, disse a sua mãe: Mulher, eis aí o teu filho.
Depois disse ao discípulo: Eis aí tua mãe. E desde aquela hora o discípulo a recebeu em sua casa.
João 19:25-27

Todos os homens que Jesus escolheu para o acompanhar  tinham obrigações. Jesus, um líder incomparável (até porque Ele é Deus) sabia delegar responsabilidades e, sabia o que delegar a cada um. O Mestre tinha total controle sobre as atribuições que cada um dos 12 poderia ter. E sabia o que poderia ser pedido a cada um deles.

Neste caso, comparando as atribuições, posso garantir que de todos os discípulos, o que mais me chama a atenção é João. Sério, acho esse cara um monstro.

Ele, que a Palavra de Deus trata como o Discípulo Amado, ficou responsável pela mãe biológica de Cristo, ficou responsável pela mulher que teve um papel fantástico nesse planeta. Jesus confiou a João, ser responsável por sua família.
Mas, o que fez de João um cara tão diferente? O que fez de João, ser digno de tanta confiança?

Vamos lá!

Para se ser considerado amado por alguém de fato existe um merecimento…

Tendo Jesus dito isto, turbou-se em espírito, e afirmou, dizendo: Na verdade, na verdade vos digo que um de vós me há de trair.
Então os discípulos olhavam uns para os outros, duvidando de quem ele falava.
Ora, um de seus discípulos, aquele a quem Jesus amava, estava reclinado no seio de Jesus.
João 13:21-23

Quando o Mestre (que mesmo sendo Deus, aceitou sofrer como homem) estava em um momento de total tensão, o momento crucial de sua vinda, apenas um discípulo prestou afago, carinho e amor fraterno à Cristo. E, esse cara foi João. Ele entendeu o sofrimento de Jesus e se compadeceu com a situação. João praticamente pegou Jesus no colo!

Posso conjecturar que João era sempre assim, sempre presente, sempre honesto em sentimentos com Cristo, um camarada que estava sempre disposto a amar o Mestre e sempre presente, posso até dizer que era quem mais sabia os segredos humanos do Mestre. Quero crer que Jesus falava muitas coisas para João e, com essa intimidade total, João soube o que ninguém mais soube.

Este é o discípulo que testifica destas coisas e as escreveu; e sabemos que o seu testemunho é verdadeiro.
Há, porém, ainda muitas outras coisas que Jesus fez; e se cada uma das quais fosse escrita, cuido que nem ainda o mundo todo poderia conter os livros que se escrevessem. Amém.
João 21:24-25

João é muito maneiro!

Voltando ao início, vemos um João aos pés da Cruz. Num momento onde o mais valente tava fugindo e outro já havia se matado, João ousou. Ousou em ser exatamente o que era, ousou em se expor e mostrar para quem quisesse ver o que ele seria no dia seguinte a aquele. Esse camarada se tornou mais que um discípulo.

Nos momentos mais decisivos da vida de Cristo, João foi digno de confiança e, após a ressurreição não desistiu do chamado. Então, Deus premiou a João. Deus, lá do alto, amou João e teve com ele uma intimidade tremenda, separando-o, e dando a João o que ninguém mais teve. Deus Revelou ao Discípulo Amado, o Seu retorno!

Deus pode confiar em você?

Por Cyssu…

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s